segunda-feira, 7 de maio de 2012

Fish and chips!

Relutei um tempão em postar esta receitinha no nosso dia oficial da dieta, mas depois que eu encontrei com a Chris {cunhadita da minha amiga Marcele} na academia hoje à noite e ela continua linda, magra e com tudo em cima mesmo depois de ter feito em casa, acho que não tem problema... rs

Na verdade esta é a minha versão semi light do fish 'n' chips, comidinha londrina típica que por sugestão da Marth {minha cunhadita} eu achei melhor não experimentar...

Não pelos ingredientes, porque vamos combinar que é difícil achar uma dupla dinâmica melhor que peixe com batatas, mas sim pela aparência meio descuidada deste quitute lá em Londres. Sei lá quantos fish and tips são fritos no mesmo óleo, né? E sei lá também qual é o óleo que eles usam... #olhaapsicosedapessoa

Mas eu chamei a nossa versão de quase light porque ela não é frita. Nem o peixe, nem as batatas. E eu te garanto que se você testar não vai se arrepender...


























Robalo na manteiga de ervas e batatas crocantes

O preparo deve começar com as batatas, porque o peixe fica pronto mais depressa.

Ingredientes das Batatas Crocantes
  • 1 batata por pessoa
  • 1 dente de alho por pessoa
  • azeite
  • alecrim fresco {é opcional, mas faz uma diferença danada}
  • flor de sal {com sal refinado não fica a mesma coisa...}
  • pimenta do reino moída na hora

A receita eu aprendi no programa do Jamie Oliver, mas já tem tanto tempo que eu faço que não sei mais o que modifiquei nela.
Você precisa cortar as batatas com a casca em pedaços de mais ou menos 2,5 cm {pode ser mais ou menos, mas tente deixá-las com tamanhos iguais}.  Aí numa panela com água cozinhe até ficarem al dente {meio no chutômetro porque eu nunca cronometrei, acho que depois que a água ferve não deve demorar nem 10 minutos}. Pra saber se estão no ponto, é só enfiar um garfo em um dos pedaços: ele tem que entrar ainda com alguma resistência. Escorra a água e coloque as batatas em uma assadeira. Regue com azeite, junte os dentes de alho, uns raminhos de alecrim, salpique a flor de sal e a pimenta do reino moída na hora. Forno pré-aquecido a 180º, vamos deixar lá enquanto preparamos o peixe. As batatinhas estarão prontas quando a superfície tiver uma casquinha bem dourada.

Ingredientes para o preparo do Robalo
  • robalo em filés {calcule mais ou menos 180 g por pessoa}
  • limão para o pré-preparo
  • sal marinho
  • pimenta do reino moída na hora
  • azeite

Antes de temperar o peixe, eu gosto de espremer um limão sobre ele e depois lavar em água corrente {é uma coisa bem rapidinha, senão o próprio limão já cozinha o peixe}. Então temperamos os filés com sal e pimenta do reino. Numa frigideira antiaderente bem quente vamos dourar com azeite os dois lados dos filés e depois levar ao forno {se a sua frigideira não puder ir ao forno use uma assadeira} por cerca de 15 minutos.
Aproveite que abriu o forno para dar uma chacoalhadinha na assadeira das batatas.

Muito bem. Tá quase pronto. Estes 15 minutinhos restantes serão suficientes para que as batatas acabem de ficar prontas e para que a gente prepare a nossa manteiga com ervas, que vai dar um super toque gourmet na receita.

Ingredientes da Manteiga de Ervas
  • Manteiga sem sal
  • Ervas aromáticas frescas
  • Alcaparras {lavadas em água corrente, numa peneirinha}

Você vai colocar a manteiga numa panelinha em fogo médio e deixar derreter. Ela vai começar a espumar um pouco, então é só acrescentar as ervas frescas - a combinação de salsinha, manjericão e sálvia é mara - já lavadas {se ainda estiverem molhadas melhor} na manteiga e deixar fritar, até ficarem crocantes. Vá monitorando pra não deixar a manteiga queimar, senão amarga e não dá certo. Pra saber se já está pronto, tire a panelinha do fogo, espere a espuma baixar e levante as ervinhas com uma colher: se elas tiverem reduzido seu tamanho à metade está no ponto. Então é só acrescentar um punhadinho de alcaparras na manteiga ainda quente.

Para montar o prato, coloque os filés de robalo, regue com a manteiga e coloque as batatinhas ao lado. Se preferir, pode servir as batatas à parte, para que cada um se sirva com a quantidade que desejar. A manteiga também fica bem bonita se você colocar junto ao peixe em cumbuquinhas individuais.


























Gentem, este prato fica muito muito bom, então mesmo sendo apenas meio light, eu super recomendo!!!

Espero que tenham gostado, e se fizerem em casa não esqueçam de voltar aqui pra me contar como ficou, ok?

Beijos em todos, uma boa noite e... inté! =)

P.S.: Essa manteiga de ervas é uma receita coringa, e dá certo com praticamente todos os outros peixes também. A Chris me pediu para fazer com o salmão do seu dia a dia {conta aí Chris, como ficou!}. Sem as alcaparras a manteiga ainda vai bem no filé mignon e no filé de frango.

P.S.2: Dá pra fazer esse fish and chips sem a manteiga também, é claro, mas... se eu fosse você não abriria mão...

P.S.3: O pulo do gato, nessa manteiga, é usar uma panelinha com fundo grosso {como as de inox, com fundo triplo} para que o calor espalhe por igual e não deixe queimar no fundo. Uma boa panela, aliás, é o pulo do gato de muitas receitas!


5 comentários:

Anônimo disse...

Cunha... nem provei, mas certeza que esse da um banho em qualquer fish and chips ingles! Saudades!!
Beijaooo

Tenho uma receitinha para a gente fazer quando vc vier me ver....

Marth

Anônimo disse...

on facebook
Christiane Diniz: Fiz hoje de novo. Postei no Instagran. Parabéns pela dica, fácil e deliciosa.

Laurinha disse...

Marth, querida, vou contar os dias para fazermos sua receita!!!
Chris, vi sua foto, seu salmão ficou lindão! Que bom que gostou da receita!!!
Beijo enorme meninas!!!

Adinoela disse...

Adorei seu blog!

Adinoela disse...

Adorei seu blog!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...