quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Você sabia?

Em homenagem aos meus adoráveis colegas de curso segue mais uma edição do nosso Adoráveis Pour Homme!


Uma oliveira no canteiro central do prédio em que ficamos hospedados em Madri


Antes de contar a minha historinha de hoje - senta que lá vem a história! - vou contar a outra que me levou a ela. Minha cabeça é assim mesmo, doidinha de tudo, desenterro coisas láááááá de nem sei aonde...!

Mas então tem um tempão que assisti a uma entrevista da Paula Toller - a Kid Abelha - no Jô Soares. E não lembro porque (também não dá pra lembrar tudo, né?!) ela foi contar que um dia estava assistindo tevê com o Gabriel, seu filho, e o Ronaldinho Gaúcho apareceu em uma entrevista. Ela começou a prestar atenção no sotaque do jogador e soltou a pérola:

_ Nossa... que sotaque engraçado, né? Será que ele é do sul?
E o Gabriel:
_ Mãe, Ronaldinho "Gaúcho"... Entendeu? """Gaúcho"""...
E a Paula Toller:
_ Ãh... é mesmo...!

Aposto que uma situação como essa já deve ter acontecido com você... Não? Pois aconteceu comigo esses dias mesmo.
Na viagem de ida pra Trancoso, levei meu livro novo, que estava doida pra começar a ler, só sobre azeites. Olha ele aqui:


Dica bem legal de presente para os moçoilos gourmets, heim?

Um livro super bacaninha, que eu ainda li bem pouquinho - não peguei mais nele depois desta viagem... E bem no início do livro, o autor incluiu algumas fotos lindas, das oliveiras, das regiões produtoras, das azeitonas...
Então, minha gente, eis que num rodapé eu descubro que as azeitonas são todas uma frutinha só: não são variedades, a verde, a roxa, e a preta, são só as diferenças de maturação! A verde é a "de vez", a roxa "no ponto" e a preta "madurinha". E não é que eu nunca tinha atentado para isso?!






























Estas fotos eu tirei no Borough Market - mercado delícia de Londres!































... e assim o Adoráveis também é cultura! Pelo menos a minha está aumentando...!

2 comentários:

Laiz disse...

Que legal Laura! Também não sabia disso não, sempre achei que eram vários tipos de azeitona! Adorei!!! Momento cultural!!! hahaha Fiquei com vontade de ler o livro...estou com um de vinhos pra ler e nunca começo, eu não entendo nada e estou louca pra aprender... bjinhosssss

Laura D. disse...

Ai que legal, Laiz! Em breve teremos umas dicas de vinhos aqui no blog também... Quem sabe posso contar com você também como uma das colaboradoras, né?! Beijão, querida!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...